23 de mar de 2015

Reciclando caixas

Como já comentei aqui no blog tenho o hábito de guardar caixas de papelão. Como nos últimos dias a pilha aumentou bastante e começou a ocupar muito espaço no armário fiz uma pausa na pintura e comecei a reciclar. Assim uma caixa de sabão se transforma em porta lápis e muda de posição para facilitar a escolha das cores. Outras se transformam em gavetas e porta-treco para a escrivaninha e até os rolos de papel-toalha se transformam em foguete e telefone com fio com a ajuda especial do neto que já vai aprendendo a reciclar desde cedo. 

  Aqui o telefone "repaginado" pelo neto que achou que só laranja não estava bonito.

A caixa de sabão que virou porta lápis.
 As gavetas prontas para a etapa final. Imprimir o papel em casa, são criações da artista Nadja Petremand, que cria lindas estampas e disponibiliza no seu blog.

5 comentários:

  1. Nossa Regina, seu posta lápis ficou demais! Achei ótimo deixá-lo inclinado, facilita muito na hora de usar e essas divisórias internas amei!
    Seu gaveteiro também está lindo. E que fofura ver o netinho fazendo artes...
    Adorei o site da Nadja, e ainda mais é em francês idioma que eu adoro! Não sei se te falei mas estudo Francês há algum tempo, adoro encontrar sites e blogs interessantes nessa língua.
    Obrigada por compartilhar suas idéias e tantas coisas bonitas.
    Bjs e ótima semana

    ResponderExcluir
  2. Olá Regina, quando vi as primeiras fotos, fiquei logo encantada com a estampa do papel, pensei que fosse auto colante, e ia perguntar se era comprado em Faro, pois tenho muita dificuldade em arranjar papeis adesivos bonitos em Portugal. Mas não, são da Nadja que tem um blog cheio de ideias e ao qual acabo de me filiar!
    As gavetinhas e o porta lápis estão lindos e como enfeitou a escrivaninha. Adoro suas criações! Quanto ao neto, bom, quem sai aos seus...o garoto promete!
    Quanto à sua dúvida: sim, adoro puxadores, e sempre que encontro interessantes , diferentes ou originais, compro e guardo. de vez em quando vou olhando para não me esquecer do que tenho e usar na primeira ocasião. Do BHV trouxe os dois de ferro, as mãozinhas que aparecem na foto. Achei demais o BHV, pena o tempo contado. Tava doida que meu pai fosse dormir pois assim teria mais tempo, mas depois fiquei com remorsos de ter pensado isso: ele adorou, curtiu, comprou suas coisinhas e teve uma paciência danada de cada vez que eu parava para tirar foto! Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Oi Regina, sua arte ficou linda demais!!!
    Parabéns eu adorei as caixinhas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Regina! Fiquei encantada com seu trabalho e com as estampas! Vi que a Val falou que são do blog da Nadja, mas não consegui achar o blog. Seu neto deve ter ficado feliz da vida com os novos brinquedos!
    Bom domingo!

    ResponderExcluir
  5. Uau!!! Lindo, lindo!!! Você está arrasando com as caixas!!! Parabéns. Amei as estampas, vou lá ver mais um pouquinho. Bjs

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário