20 de mar de 2013

Pintura Decorativa

 5 - Pente e falso linho

Continuando na série "Pintura decorativa em madeira". Uma pequena recapitulação dos assuntos já tratados nos tópicos anteriores:  Preparo da Madeira;  Corantes Naturais;  Pintura dos Fundos e pintura com Vela e Esponja. Hoje o tema é pintura com pente e falso linho. 

Pente



Técnica que usa pentes metálicos ou plásticos para dar textura e criar efeitos. Muito simples e fácil, exige superfície plana e pode ser usada em madeira ou concreto, em pequenas ou grandes áreas. Ótimo resultado para decoração de portas ou laterais de móveis. Pode ser feito com a mesma cor em tons diferentes ou com cores contrastantes. Também pode ser aplicada em cima de uma cor antiga já existente. 
Pinte a peça com a cor de base. Duas mãos deixando secar e lixando cada mão. No caso de usar uma peça com pintura antiga é necessário uma boa limpeza com bucha macia, água e sabão. Divida as áreas e separe com fita crepe para facilitar o trabalho. Prepare a segunda cor, contrastante ou degradê, que deve ter uma consistência cremosa. Aplique a tinta na área escolhida com um pincel chato e largo. Evite passar uma camada de tinta muito grossa. Segure o pente em pé e incline ligeiramente (isso dará mais firmeza), passe na área selecionada formando o desenho desejado ( xadrez, listras, ondas, diagonal etc). Tente controlar bem o pente para não desviar e criar efeitos indesejáveis. Convém treinar um pouco antes de começar o trabalho definitivo. 


 
detalhe de pintura com pente

Falso linho


Pinte com a cor de base, duas mãos, deixando secar bem e lixando suavemente cada camada. Para esta técnica a superfície de fundo deve ficar bem lisa. Limpe o pó muito bem. Prepare a cor do "linho" e dissolva em água; deve ter a consistência de suco ralo. Molhe um pincel largo e duro na tinta "suco", retire o excesso em um tecido. Segure o pincel na vertical com firmeza e passe em toda extensão sem interrupção e o mais reto possível. Repita o procedimento, sempre na mesma direção, até cobrir toda a área. Deixe secar muito bem antes de repetir a operação no sentido oposto para formar as tramas do tecido. Espere secar bem.Para motivos com detalhes (como o "bico", da bandeja abaixo), recomendo fazer o falso tecido e só depois desenhar o contorno do motivo e,  em seguida, pintar a área externa com a cor de fundo formando a toalha. Repita o procedimento nos motivos vazados. Finalize com o desenho do motivo a ser pintado.

Próxima semana fundos trabalhados com plástico e tecido.

4 comentários:

  1. Nossa Regina, este efeito falso linho é demais!
    Mas acho que precisa ter uma certa experiência.
    Este trabalho da foto está lindo! Foi feito por você?
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Criatiane,

      Fui eu que fiz sim, o primeiro usando a técnica. Classifiquei como média dificuldade, critério baseado na minha experiência. Caro que prática sempre ajuda, mas com um pouco de treino você consegue. Eu tinha uma pranchas de madeira onde fazia os testes. Quando ficava bom eu fazia na peça definitiva. O bom da prancha é que serve para muitos testes, basta repassar uma camada de tinta e recomeçar.
      beijo

      Excluir
  2. Oi Regina!
    Cheguei no final da aula :)
    A técnica com pente parece fácil mesmo.
    Agora...o que é essa pintura'linho'.
    Amei!!!
    Essa parece difícil, e o efeito lindo demais.

    Eu concordo com tudo o que você disse.
    Estou tentando administrar a situação para não me irritar mais.
    Já mexemos em tudo no comp, mas o marido ( é analista) disse que sou teimosa porque não deixe formatar...
    Acho que vou ter que me render rsrs

    bjs, ótima noite! Obrigada pela torcida.

    ResponderExcluir
  3. Regina faço minhas as palavras da Maria. Que linho maravilhoso. Parece difícil, mas como nunca tentei. Obgda pela aula da técnica.

    Bjs

    Kaku

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário