25 de mar. de 2019

Almofadas bordada com miçangas

A primavera chegou trazendo dias mais longos e uma temperatura muito agradável. É hora de aproveitar os parques e jardins, de fazer longas caminhadas ou simplesmente sentar no banco da praça para admirar o colorido das flores e o cantar dos pássaros. Também é hora de abrir a casa e deixar entrar novos ares e cores. Foi neste clima primaveril que preparei duas almofadas usando material que tinha em casa: o tecido de linho com bolas veio no catálogo de amostras que comprei em um brechó e já rendeu vários trabalhos. As miçangas estavam guardadas há mais de uma década esperando uma oportunidade para saírem da gaveta. O trabalho foi muito simples: apenas contornei as bolinhas do tecido pregando continhas coloridas ou bordando com ponto corrente (a variedade de cores é que dá graça ao bordado) e para o acabamento montei uma franja feita com as mesmas miçangas coloridas. Achei que a dupla casou muito bem com a manta peruana usada como protege-pés e a linda almofada bordada com uma cena africana, presente da querida Aline. 












11 de mar. de 2019

Mala antiga recuperada

Nas minhas andanças por feiras de velharias encontrei uma mala de papelão bem velhinha que resolvi usar como maleta para guardar os tubos de tinta. Apesar da idade a mala estava em boas condições só tinha alguns rasgões nas dobras do fundo, problema comum neste tipo de malas e resolvido com a aplicação de duas camadas de cartolina kraft no fundo e nas laterais. Para acomodar e ordenar as tinta montei divisões em bandeja (com o mesmo sistema das caixas de ferramentas). Na decoração do interior voltei a usar mapas, tema que combina muito bem com malas além de ficar muito bonito. Na parte exterior a decoração ficou por conta dos acanthos coloridos que pintei na tampa e nas laterais. Também em uma feira de velharias encontrei os pés com rodinhas que transformaram a maleta em mesinha e facilitam a movimentação tanto na hora da pintura como na hora de arrumar a bagunça, pois ajuda a acomodar a maleta em baixo da mesinha que utilizo como paleta. 








Detalhes divertidos em origami
A maleta e a paleta bem organizadas. 
Transformando duas caixas de madeira em bandejas organizadoras. 

Primeira etapa da reforma: retirando o forro e reforçando o interior com papel kraft.
O material de base usado no projeto.